quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Vc conhece o alho negro?


O alho negro é da mesma família que o alho comum, Allium sativum. Porém tem caracteristicas organolépticas diferentes, ele é um pouco mais macio, tem um aspecto parecido com goma, e sabor adocicado. Vai muito bem como aceto balsâmico, refogado com azeite extra virgem, um pouco de manteiga para aveludar, puxados na frigideira com alho poró e alho comum fritinho. Mas queria dizer também das suas propriedades nutricionais: trabalho publicado neste ano mostra que este alho é capaz de reduzir o TNF induzido pelas Especies Reativas de Oxigenio (reduz inflamação e estresse oxidativo), reduz as moléculas de adesão (portanto reduz risco de aterosclerose) e reduz NF-KB nas células endoteliais, portanto, reduzindo a disfunção endotelial. O resultado é pressão mais baixa e menos resistência á insulina. Imagina então consumido com azeite e os outros alhos?!

Fonte 1: frigideira daqui de casa
Fonte 2: Chloroform extract of aged black garlic attenuates TNF-alpha-induced ROS generation, VCAM-1 expression, NF-kappaB activation and adhesiveness for monocytes in human umbilical vein endothelial cells. Phytother Res. 2010 Jul 7. [Epub ahead of print]

3 comentários:

Luciane Coelho disse...

Nooossa!! Que esquisito, nunca tinha visto...Onde você comprou pra botar na sua frigideira??KKK!Também quero conhecer. Ah! E a receitinha do seu bolo de banana?Parabéns pelo dia dos professores, e bom fim de semana!

Henrique F Soares disse...

Na verdade ganhei. A pessoa que me deu comprou na rua dos Japoneses (liberdade), em São Paulo. Já comprei muita coisa lá que não se acha em lugar nenhum.

Bj

Tamy disse...

Aqui em Brasília é bem complicado de encontrar. Você pode encomendá-lo via sedex pelo endereço de e-mail da Marisa Ono que é a precursora do alho negro no Brasil e principal produtora dessa iguaria! endereço: Marisa Tiemi Ono - marisaono@gmail.com

Beijos